Uso do Hiperboloide no Respirador Oral

A respiração nasal favorece o crescimento facial harmonioso devido ao adequado selamento labial, posição mandibular em repouso e o contato da língua com o palato, o que promove a expansão natural do maxilar em equilíbrio com as forças naturais do músculo orbicular da boca. A perda deste equilíbrio leva a alterações posturais e estruturais, principalmente na morfologia craniofacial.(Andrade et al, 2005)


Em um trabalho realizado por Andrade com a supervisão de 3 fonoaudiólogos e 2 ortodontistas, com 40 crianças na faixa etária entre 6 e 10 anos, foi constatado entre os pesquisados que a respiração oral e obstrução nasal também podem ser instaladas por hábitos errados.


Este estudo ressaltou que o sistema estomatognático possui uma grande capacidade de desenvolver padrões adaptativos, possuindo alta plasticidade e sendo o equilíbrio dinâmico dos músculos da mastigação o responsável pelo desenvolvimento de uma oclusão fisiologicamente equilibrada. (Andrade et al (2005))


Ainda neste estudo foi ressaltado que o tratamento deve ser instituído o mais precoce possível e foram encontrados os seguintes resultados:


42,5% são classe I, 50% classe II 1ª divisão, 7,5 % classe III. Nas crianças que apresentaram classe I (42,5 %), 58,82% possuíam lábios entreabertos, 76,47% lábio superior com flacidez, 88,23% lábio inferior grosso e com eversão. 94,11% possuem flacidez do lábio inferior, 64,70% com bochechas assimétricas, 82,35% com bochechas flácidas, 88,23% mentual tônus rígidos e postura aberta da mandíbula em repouso, 76,47% tensão diminuída da língua e 52,94% palato estreito. Nos casos que apresentaram classe II 1ª divisão (50%), 70% possuíam lábios entreabertos , 60% lábio superior com tônus flácido, 90 % lábio inferior grosso e com eversão,100% lábio inferior com tônus flácido ,70% com bochechas flácidas, 85% músculo mentual rígido , 70% postura mandibular aberta, 80% possuíam tensão lingual diminuída. Nos pacientes de classe III (7,5%),100% exibiram lábios entreabertos, lábio inferior grosso e com eversão, flacidez de lábio inferior, flacidez de bochecha, músculo mentual com tônus rígido e tensão de língua diminuída. Apresentaram também 66% de assimetria de bochechas e postura mandibular em repouso aberta.


Concluí-se que todos os pacientes respiradores orais avaliados apresentaram alguma alteração nos órgãos fonoarticulatórios e má oclusões dentarias. (Monografia Dra Fabianaa.Novo Borghi -2016)


Com estes dados percebemos claramente como é importante a utilização do Instrumento de Mastigação Hiperboloide para trazer de volta o equilíbrio do sistema estomatognático.


O Hiperboloide é um recurso utilizado na OFM (Ortopedia Funcional dos Maxilares) para promover mudanças posturais no sistema neuromuscular, que é um dos principais modeladores do crescimento ósseo, com capacidade de influenciar todo o sistema estomatognático.


No caso do respirador oral seguimos o seguinte protocolo de exercícios: CLIQUE NAS IMAGENS para acessar os vídeos completos ou acesse os Links abaixo: EXERCÍCIOS HB01, HB02, HB03: https://www.youtube.com/watch?v=SO_CuZ3qphY EXERCÍCIO HB10: https://www.youtube.com/watch?v=dwWeVyZodek

EXERCÍCIO HB11: https://www.youtube.com/watch?v=aeavoSe6TOc

EXERCÍCIO HB13: https://www.youtube.com/watch?v=HhUWKGmvgyU EXERCÍCIO HB15: https://www.youtube.com/watch?v=u42mw_ZTmC0


Posts Recentes
Arquivo
Procura por Tags
Nenhum tag.
Siga-nos
  • Facebook Basic Square
  • YouTube Social  Icon
  • Twitter Social Icon

Receba Grátis nosso E-Book com todos os tratamentos

NOSSA HISTÓRIA

CONHEÇA NOSSOS PRODUTOS

SIGA-NOS

O Hiperbolóide, Instrumento de Mastigação, é o resultado de mais de 35 anos de estudo, trabalho e dedicação da vida profissional do mestre Dr. Afrânio Pereira Cheida. Clique no link abaixo e saiba mais...

Além dos Hiperboloides temos uma linha variada de Produtos auxiliares no tratamento das patologias. Clique no link abaixo e conheça mais.

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

© 2019 - Hiperboloide - Brasil